Leis de transito mudam a partir de novembro

Condutores devem ficar atentos para as mudanças da lei 3281 que ocorrem a partir desta terça (01).

Passa a valer a partir de novembro as trinta e duas mudanças nas leis de transito em todo o país. Desde o ano de dois mil não se tem tantas mudanças conforme o diretor jurídico do Detran no Acre, Fábio Ferreira.

“Os condutores devem ter maior atenção no transito, pois agora até o valor das penalidades sofrerão reajustes. Uma das principais causas diárias é a utilização de aparelho celular no transito, além dos valores alguma penalidades deixam de ser média para gravíssima” disse Fábio.

A recusa em realizar o bafômetro é uma das que passa por mudanças, que agora passará a valer como autuação, que terá o mesmo valor de multa para quem dirige embriagado. Condutores de ciclomotores devem portar a documentação adequada.
Os documentos de licenciamento do veiculo passam de obrigatórios para facultativo, desde que haja possibilidade de comprovação que se encontram quites. A autuação pode ser quitada com desconto de 40% para quem optar pela notificação eletrônica.

“Todo órgão gestor passará a publicar o processo em andamento dos recursos de multa. O Contran adotou essas medidas para tentar levar o condutor a andar dentro das regras de boa convivência. Mesmo aquele que para um instante na vaga destinada a deficientes e idosos agora passará a ser multado e perca de pontos na carteira” enfatizou o diretor.


Os Detrans não tem uma estatística de causadores de acidentes, mas chegarem a estas propostas a partir das diversas ocorrências diárias registradas.

Comentários